sexta-feira, agosto 13, 2010

Sei que é doloroso, mas é preciso



Eu estava olhando-o nos olhos sem saber o que fazer ou o que falar enquanto ele chorava, parecia que algo ruim havia acontecido, mas era apenas uma despedida - minha despedida. Ele me olhava através das lágrimas, e a dor da distância ficou clara nos olhos dele, mas de qualquer forma eu não podia desistir, era o meu futuro e eu sabia que ele ficaria bem. Eu tinha certeza. Eu estava indo para a faculdade e esse era o motivo das lágrimas do meu pai. No entanto eu entendo, ele me criou sozinho, quer dizer, minha mãe me criou até os meus quatro anos de idade, depois ela nos deixou. Meu pai nunca me disse o verdadeiro motivo que fez com que minha mãe nos abandonasse, mas até hoje ele se culpa por isso. Eu sofri muito com a partida dela durante um tempo, eu sentia saudade, é obvio que não me lembro, foi meu pai quem me contou. Hoje já não sinto a falta dela. Com o tempo você se acostuma com algumas coisas, não é algo que se esquece, é apenas algo que se guarda em um baú que você acaba escondendo em um porão escuro. A verdade é que não quero deixar meu pai aqui e me afastar, mas ele vai estar sempre comigo, vamos sempre estar juntos, eu sei disso. O pior de tudo é que as despedidas são difíceis, dizer tchau e depois sair andando... Sei que é doloroso, mas eu preciso ir, se não agora, será amanhã, mas de qualquer maneira será uma despedida. Foi então que eu o olhei nos olhos e depois o abracei com força por tempo suficiente. Era um dia frio e ventava bastante, mas eu sentia o abraço apertado dele, eu pude sentir a sinceridade e a emoção que ele me transmitia. Sei que era algo simples, eu poderia vê-lo em alguns fins de semana, poderíamos nos falar por telefone. Tudo me dizia que aquele era um bom momento, mas não deixava de ser especial. Afastei-me enquanto dizia que o amava, nesse momento meu coração se apertou com a saudade e os olhos dele encheram ainda mais com as lágrimas da despedida. E então fui embora...


11 Lembrete(s):

● mariiliia . disse...

seguir nunca é facil *.*

Isabel disse...

Muito obrigada Gabriela (:
Por vezes e para nosso bem, temos que dizer que não a essas tentativas por parte desse alguém :$

Marilena' disse...

Gostei !
Muito obrigada pelo comentário *

Ariana disse...

A dor da despedida é ruim demais , principalmente quando se despede de um amor!
O texto ficou lindo!


bjos

RuteRita disse...

Este projecto da silaba tonica, eu tenho vindo a acompanhar os teus post's disso, e são realmente muito bons linda

Evelyn Ceinwyn . disse...

A despedida é sempre inevitável, uma hora ou outra ela acontecerá, seja com um parente querido, um amigo, ou quem se ama... sempre haverá um instante e que se faz necessário dizer adeus, mais o que realmente importa é o quanto se leva das lembranças boas dentro de sim. As palavras passam, não importa quantas vezes dizemos ''Adeus'', são palavras e se tornam poeira no vento, mais as lembranças? as lembranças duram pela eternidade.

È um texto bem triste, lembro de algumas despedidas que tive, não é uma experiência boa, e a pior conssequencia de tudo é a saudade do que não se pode tocar mais.

Estou seguindo.

Boa tarde.

nell disse...

Olá, muito obrigada pela visita *-*
Espero que volte mais vezes (:

Confesso que quando comecei a ler o texto achei que se tratava de uma despedia com um namorado, acho que meio inconscientemente há uma certa base: a maioria das pessoas escreve sobre as relações de amor homem-mulher.
E acabou sendo uma surpresa boa (:
Gosto de textos que falam sobre o amor familiar.
Me deu até um aperto no coração .. não me imagino indo embora do meu lar.
Lindíssimo moça !

Patrícia Alves disse...

abandonar tudo o que sempre esteve com você e seguir em frente deve ser muito difícil, mas necessário. Tenho medo de quando for a minha vez :s
Lindo o texto *-*
Bjsbjs

friendshiptoalways disse...

acho que o amor é exactamente tudo e isso é que dá intensidade à vida :b
obrigado por me comentares , espero que leias e gostes de todos os meus textos :$$$$

ADORO ESTE <3

friendshiptoalways disse...

gostava que fosses sempre deixando a tua marca se possível , adoro deliciar-me com aquilo que me dizem e ainda para mais se achas que escrevo tão bem :$$$$$
obrigadão e passarei sempre aqui também :)

patricia meneses. disse...

Gostei :)

Postar um comentário

Enquanto eu tiver perguntas e não houver respostas... Continuarei a escrever.

~ Clarice Lispector

 

Copyright © 2010 { Something } | Blogger Templates by Splashy Templates | Free PSD Design by Amuki