segunda-feira, julho 26, 2010

Um lugar melhor sem você

Eu gostaria de ter dito adeus


        Você me abraça, eu fecho os olhos e de repente estou em algum lugar melhor do que aqui, e não existe motivo para voltar, mas então você me deixa e eu começo a cair, a queda é lenta e o silêncio é ensurdecedor, mas o impacto é doloroso, meu coração parece se partir como uma taça de vidro fino. Não resta nada, apenas os cacos. Mas então você pede desculpas, diz que sente muito, tenta colar os caquinhos, mas eles não se encaixam, e eu saio perdendo... Mais uma vez. Agora eu vou embora, não quero estar em um lugar melhor, não quero cair de grandes alturas outra vez. Agora eu quero seguir a minha vida, sem você, mesmo que seja por um dia, até que você volte e me atire na realidade mais uma vez partindo meu coração partido.

8 Lembrete(s):

Deni Maciel disse...

poxa q amor complicado =/
mas q texto lindo.
demais mesmp parabens de vdd..


ótima semana
e grande abraço


ps.: se vc tiver tuiter.
tenho 2
um em que eu sigo e sou seguido [e vice conversa] @adenilsonfm
e um que só escrevo escrevo escrevo e nem sempre sigo =/
@kibesta

então fique a vontade se quiser sguir lá.
será um prazer.

agora se vc não tem.
num perde nada
kkkkkkk

Luiza disse...

E não é que é possível partir um coração já partido? Sempre dá pra sair mais machucada, mas por vezes, é bom dar um tempo disso. obrigada pela visita lá no By Heart, beijos

● mariiliia . disse...

de nada $:
e obrigada fofinha (:

so sad disse...

o melhor lugar do mundo: o abraço de quem se ama...
beijo!

Dani disse...

Obrigada pelo elogio..
Não tô merecendo neste período de falta de criatividade extrema.
Aparece.
Beijo

Faxina

jefhcardoso disse...

Bem, o amor pode doer às vezes, mas nos torna mais completos sempre. E se é mesmo se tratando de amor que fala, e amor sendo universal, me vejo compelido a comentar esta sua postagem, pois eu tenho um grande amor. Eu vivo um grande amor. E meu amor se manifesta todas as vezes que me basta estar perto dela para sentir que tudo está valendo à pena; sem dizer que do meu amor por ela vieram outros dois amores colossais que possuo, o Davi (10), e a Ana (07). Ela, de quem falo, chama-se Andréia e é a minha “flor do ocidente”. (sorrio).
Mas bom mesmo Gabriela, é quando o amor acontece. O amor é bom, nos dá mais vida e novos olhos mais sensíveis para as cores, e viver é o grande barato da vida. Concorda?

Abraço do Jefh!

Ariana disse...

Ai o amor é tão bom e ao mesmo tempo na maioria das vezes nos faz sofrer tanto!
Dê um tempo pra si mesma flor!

bjos

Carla disse...

Que bonito (: esse coração vai ficar inteirinho outra vez, vais ver (:
vou seguir*

e obrigada pelas palavrinhas!

Postar um comentário

Enquanto eu tiver perguntas e não houver respostas... Continuarei a escrever.

~ Clarice Lispector

 

Copyright © 2010 { Something } | Blogger Templates by Splashy Templates | Free PSD Design by Amuki